CONFISSÃO PERIGOSA -FORA FACHIN!-

ASSIM COMO

Assim como o jornalista Lauro Jardim (do site de O Globo) publicou as gravações que o escroque Joesley Batista fez durante a conversa que manteve com o presidente Temer e o senador Aécio, um outro jornalista, também das organizações GLOBO, Jorge Bastos Moreno, informou, ontem, que o jurista Edson Fachin admitiu ter pedido ajuda “ao pessoal da JBS”, em 2015, para ser nomeado ministro do Supremo Tribunal Federal.
 

DIFERENTES

Ambas as publicações, por serem estarrecedoras, davam a entender que a Rede Globo, onde os jornalistas -furões- gozam de amplo prestígio, agiria da mesma forma (SENSACIONALISTA), ou seja, dando destaque ao -furo-de Moreno da mesma forma como fez com o -furo- dado pelo Lauro Jardim. Só que não.

FORA FACHIN

Pois, para bom ou mau entendedor, a Rede Globo, cujo diretor de jornalismo da TV, Ali Kamel, insiste em dizer que as redações do Grupo são absolutamente independentes uma das outras e competem entre si pelo furo, só se interessou pelo -furo- dado pelo jornalista Lauro Jardim, que propõe um correto -FORA TEMER-. Vejam que o -furo- dado por Jorge Bastos Moreno, que certamente proporia um sonoro -FORA FACHIN-, nem uma palavra. Pode?

VOLTO A FRISAR

Volto a frisar que foi o próprio ministro Edson Fachin que admitiu, publicamente, ter pedido AJUDA ao -pessoal da JBS- para chegar ao STF como ministro. Mais: como foi o próprio ministro Fachin que liberou as gravações divulgadas por Lauro Jardim, o mínimo que se poderia esperar é que o -furo- dado pelo Moreno tivesse idêntica repercussão. Engano!

BALELA

É de se concluir que tanto Ali Kamel quanto a própria Rede Globo manifestam, claramente, que têm preferência, não só por notícias como, principalmente, por jornalistas que atuam na casa. Esta de dizer que há competição interna por -furos- é pura balela. 

A QUEM SERVE?

Como grande parte dos brasileiros se diz ávida por justiça e pelo fim da corrupção, é de se supor que o fato de um ministro ter, confessadamente, pedido ajuda a JBS para ganhar o cargo no STF, deva exigir severa e profunda investigação. Afinal, que tipo de ministro é esse?  A quem serve, em caso de necessidade?

FORA FACHIN!

Assine a Newsletter do Ponto Crítico

MARKET PLACE

  • QUEM É O ESQUERDISTA BRASILEIRO?

    Desconheço o autor do seguinte texto, mas cumprimento pelo acerto. Eis:

    QUEM É O ESQUERDISTA BRASILEIRO?

    É o cidadão que se preocupa com os centavos da passagem de ônibus, mas ignora os 88 bilhões da Petrobras.

    É a moça que defende o aborto, mas considera a palmada um crime hediondo.

    É aquele que se escandaliza quando uma criança usa farda de policial, mas acha normal um menino de 8 anos dançando sensualmente entre adultos.

    É aquele que protesta quando morre um traficante, mas festeja quando morre um policial militar.

    É o cara que se escandaliza com Bolsonaro, mas não vê problema algum em José Dirceu, Graça Foster, em Dilma e em Lula, e chama João Vaccari de herói.

    É aquele que odeia os judeus e quer a destruição do Estado de Israel, mas faz campanha contra o racismo e xinga os adversários de nazistas e fascista. (Odeia Israel e chama a direita de nazista).

    É aquele que acusa quem defende pena perpétua, mas ignora o professor que defendeu o estupro de Rachel Sheherazade.

    É aquele que chama empresário de sonegador, mas aceita a maquiagem fiscal da Dilma.

    É aquele que chama o caso Celso Daniel de "crime comum".

    É aquele que prega a estatização do financiamento eleitoral.

    É aquele que não vê nada demais no fato de o PIB per capita da Coreia do Sul ser de 32 mil dólares e o da Coreia do Norte, de 1.800 dólares. Afinal, a Coreia comunista é mais igualitária.

    É aquele que exalta na faculdade a ditadura cubana, mesmo sabendo que somente em 01/02/2016 chegou Internet nos domicílios em Cuba (só em domicílios de pessoas do governo). [20 anos de atraso].

    É aquele que apoia o movimento gay, mas também apoia o regime cubano, que já fez campos de concentração para homossexuais.

    É aquele que acredita em governo grátis, mesmo quando o País trabalha CINCO MESES POR ANO  para pagar impostos.

    É aquele que odeia a censura, mas quer o controle social da mídia, como Marco Civil da Internet e o Humaniza Redes.

    É aquele que faz tudo para acabar com a família e a igreja, pois sabe que elas são os principais focos de resistência ao poder do Estado e dos movimentos sociais.

    É aquele que apoiou o impeachment de Collor achando que foi legitimo, mas diz que o impeachment de Dilma é golpismo.

    É aquele que diz que a cadeia não resolve, mas quer que quem conte uma simples piada sobre gays seja preso por homofobia.

    É aquele que diz que o PT acabou com a pobreza no Brasil, mas cinco minutos depois diz que o aumento da violência é consequência da pobreza.

    É aquele que diz que o problema do mundo é o livre mercado, mas cinco minutos depois diz que Cuba só vai mal por causa do embargo econômico.

    É aquele que diz que menores de idade praticam um número insignificante de crimes, mas cinco minutos depois diz que se a maioridade for reduzida, as prisões irão superlotar.

    É aquele que diz que meritocracia não existe, mas diz que a Dilma ganhou por mérito.

    É aquele que defende os ideais de Mussolini: -Tudo no Estado, nada fora do Estado e nada contra o Estado-, mas chama de fascista quem é contra.

    É aquele que diz que combate os estereótipos de cor, sexo, classe social, mas chama os outros de coxinhas, de elite branca, etc.

    É aquele que defende a liberação das drogas, mas acusa o Aécio de cheirador.

    É aquele que...enfim... é um HIPÓCRITA! 

  • CONTRATO IMPORTANTE

    Foi assinado ontem um importante contrato, entre prefeitura de Porto Alegre e a União, que vai beneficiar cinco mil pessoas e destravar as obras de ampliação da pista do Aeroporto Internacional Salgado Filho. Assim, foi dada a ordem para o início das construções do Condomínio Residencial Loteamento Irmãos Maristas.

    O prefeito Marchezan, ao lembrar que as pessoas que estavam há décadas aguardando terão uma solução definitiva, afirmou: - “Em nosso governo pactuamos que não vamos entregar nenhuma notícia para a imprensa se nós não entregarmos um fato concreto junto. Nossos contratos serão cumpridos, vão chegar na vida real de quem mais precisa. Hoje é um dia para que essas famílias comemorem".

  • CONSTRUÇÃO

    O índice de confiança da construção, calculado pela FGV, caiu 2,5 pontos em maio frente ao mês de abril, para 74 pontos. Tal resultado reverteu a alta verificada nos últimos meses, levando o indicador a patamar próximo ao verificado em setembro do ano passado. Este movimento se deveu tanto ao recuo dos índices de situação atual (-2,0 pontos, para 63,7) como de expectativas (-3,0, para 84,6 pontos). O NUCI, que mede o nível de utilização da capacidade do setor, recuou 0,7 p.p. no mês, alcançando 62,1%.

FRASE DO DIA

Quando uma pessoa te decepciona, ainda que você a perdoe, nada volta a ser como antes.