Frase do dia

  Eleição não se ganha; se toma.  

- Luiz Roberto Barroso

Artigos


12 ago 2022

UMA PROVA NÍTIDA DE INCOMPETÊNCIA


INEFICIENTE, INCOMPETENTE E CORRUPTO

Mais do que sabido, em qualquer sociedade, quando os escolhidos para ADMINISTRAR os negócios dão claras e inequívocas demonstrações de INCOMPETÊNCIA, isto já seria o bastante para que nunca mais viessem a ser contratados. Agora, se além da flagrante INCOMPETÊNCIA os -administradores- também fossem pegos com as MÃOS E PÉS NA BOTIJA, deixando rastros nítidos e comprovados de ROUBOS INCALCULÁVEIS para a sociedade, aí, de sã consciência, seria inimaginável que alguém viesse a propugnar pela recontratação de quem provou que, além de INEFICIENTE e INCOMPETENTE também é CORRUPTO. 


CEITEC

Deixando de lado, sem esquecer jamais, os terríveis casos de CORRUPÇÃO, que de antemão se transformaram em MARCA REGISTRADA dos governos Lula e Dilma -petistas-, vale a pena recordar, na tentativa de convencer os apaixonados por bandidos, um dos emblemáticos casos da mais pura INCOMPETÊNCIA administrativa. Para quem não sabe, ou não acompanha, a CEITEC S.A, uma ESTATAL fundada em 2008, não ficou conhecida como uma empresa voltada para a -produção de chips de automação-, mas para empregar petistas e dar PREJUÍZOS IMENSOS. 


PARA ALÍVIO DOS PAGADORES DE IMPOSTOS

A CEITEC, na realidade, além de empregar cerca de 180 funcionários se notabilizou por apresentar PREJUÍZOS. Assim, em junho de 2021, o governo Bolsonaro decidiu aliviar o bolso dos -pagadores de impostos- e para tanto decidiu pelo fechamento da CEITEC. Tal decisão foi baseada nos relatórios da estatal, que entre os anos de 2010 e 2018 recebeu cerca de R$ 600 MILHÕES do governo federal, e durante a sua existência gerou um prejuízo de R$ 160 milhões. Que tal? 


MINISTRO VITAL DO RÊGO, DO TCU NÃO ESTÁ CONVENCIDO

Pois, nem mesmo as gritantes comprovações de INCOMPETÊNCIA foram capazes de liquidar o quanto antes a fúnebre CEITEC, que desde o dia 14 de junho de 2021 até hoje, segue existindo tal qual um fantasma público. Vejam que quase um ano após suspender o processo de extinção da Ceitec, o TCU adiou para setembro próximo o julgamento que -pode- resultar na retomada da liquidação da estatal. O pedido de vista foi solicitado nesta semana pelo ministro Vital do Rêgo. No ano passado, quando a liquidação foi suspensa, Rêgo disse que o processo de desestatização da Ceitec deveria ser paralisado para que o governo pudesse "melhor" justificar o atendimento ao interesse público. Pode?


PROVA DE ABSOLUTA INCOMPETÊNCIA

Vale registrar, para que não paire dúvida, o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) recomendou a extinção da Ceitec em junho de 2020, e o decreto presidencial que oficializou a decisão foi publicado em dezembro daquele ano. O processo de liquidação envolve a transferência de projetos e patentes da empresa para uma Organização Social, a ser criada. Volto a insistir: a CEITEC, para provar o quanto é uma ideia de quem adora mostrar absoluta INCOMPETÊNCIA, sempre foi dependente do Tesouro Nacional - ou seja, precisa de recursos do Orçamento para bancar despesas correntes e salários. Que tal?


ESPAÇO PENSAR +

No ESPAÇO PENSAR+ de hoje: INIMIGOS CELESTIAIS, por Alex Pipkin. Confira aqui: https://www.pontocritico.com/espaco-pensar



Leia mais

Patrocínio:

11 ago 2022

MOVIDOS PELA INVEJA


ARMÍNIO FRAGA

Em entrevista recente que concedeu ao NeoFeed, plataforma digital voltada para empreendedorismo, inovação, negócios e tecnologia, o ex-presidente do Banco Central, Armínio Fraga, achou por bem manifestar a sua opinião quanto ao que DEVE SER FEITO para que o Brasil volte a crescer de forma sustentável. O curioso é que enquanto esteve à frente do Banco Central, durante o governo de Fernando Henrique, Fraga simplesmente NÃO FEZ O QUE DEVERIA SER FEITO. Mais: fez o possível para que Lula viesse a ser eleito presidente. 


PRIORIDADES

Para Armínio Fraga, que apoia a candidatura da senadora Simone Tebet à presidência (pode?), o crescimento sustentado da economia brasileira depende de MAIOR INVESTIMENTO PÚBLICO, DA REVISÃO DE PRIORIDADES DE GASTOS E DO AUMENTO DE IMPOSTOS SOBRE PESSOAS E EMPRESAS. Caso Tebet não venha a ser eleita, aí o seu favorito é o ex-condenado Lula. - "Se ele voltar com a versão Lula um ponto zero, as coisas podem melhorar, sobretudo se vierem sem os defeitos públicos e notórios que conhecemos. Se houver reeleição, aí eu ficaria bem mais preocupado". Que tal? 


AUMENTO DE IMPOSTOS

Pois é, meus caros leitores. Fraga faz parte dos economistas -invejosos-. Quando foi convidado para presidir o Banco Central, o renomado economista recebeu CARTA BRANCA para colocar o Brasil nos trilhos do DESENVOLVIMENTO E CRESCIMENTO SUSTENTADO. Agora, de forma lamentável, Fraga diz, alto e bom tom, que o DESENVOLVIMENTO SUSTENTADO do Brasil exige -AUMENTO DE IMPOSTOS-. Pode? 


INVEJA INDISFARÇÁVEL

Ora, a cada vez que ouço ou leio economistas que já estiveram à frente tanto do Banco Central quanto do Ministério da Economia, ou da Fazenda, vejo o quanto a maioria nutre um indisfarçável sentimento de inveja do ministro Paulo Guedes e de seus inquestionáveis e importantes acertos. Ao invés de aplaudir as propostas e realizações - com viés LIBERALIZANTE-, Fraga e outros tantos economistas só assinam embaixo de programas SOCIALISTAS. 


INVESTIMENTOS PRIVADOS

Na entrevista ao NeoFeed, Armínio Fraga, por diversas vezes afirmou que -não é possível nem desejável desenvolver o país sem INVESTIMENTO PÚBLICO. Ora, mais do que nunca está provado que só o INVESTIMENTO PRIVADO é capaz de fugir da CORRUPÇÃO, pois os interessados sempre estão prontos para defender e rentabilizar os recursos aportados. Estão aí as PARCERIAS PÚBLICO-PRIVADAS, com administrações entregues para as partes PRIVADA como melhor exemplo. Mais: Além das parcerias, as concessões e privatizações já estão mais que consagradas, garantindo um fluxo intenso de INVESTIMENTOS PRIVADOS.



Leia mais

10 ago 2022

MAS, PORÉM, TODAVIA, CONTUDO...


TURMA DOENTIA

Mais do que sabido e pra lá de percebido, a doentia turma do -MAS, PORÉM, TODAVIA, CONTUDO- tem se mostrado incansável na hercúlea tarefa de tentar DIMINUIR, e se possível ZERAR, os importantes frutos que vem sendo colhidos pela valorosa equipe econômica do governo liderada pelo ministro Paulo Guedes. 


FORMA DEPLORÁVEL

Ontem, tão logo o IBGE divulgou o IPCA -Índice de Preços ao Consumidor Amplo- referente ao mês de julho, mostrando DEFLAÇÃO DE 0,68%, de antemão considerada como a MENOR TAXA desde o início da série histórica em 1980-, a inconformada e/ou revoltada TURMA DO -MAS, PORÉM, TODAVIA, CONTUDO-, em coro, tratou de noticiar o importante FATO de forma deplorável.


A NOTÍCIA DA DEFLAÇÃO

A rigor, desde o primeiro dia do mandato do presidente Jair Bolsonaro, a CONJUNÇÃO ADVERSATIVA representada por -MAS, PORÉM, TODAVIA, CONTUDO, ENTRETANTO- tem sido fartamente utilizada com o propósito de diminuir o EFEITO POSITIVO de tudo que pode ser desfrutado pelo sofrido povo brasileiro. Ontem, como se viu, não foi diferente: como a notícia da DEFLAÇÃO não tinha como ser escondida, a TURMA DO MAL (Globo, Estadão, Folha, etc.) colocou o -MAS-, dizendo: - O Brasil tem deflação de 0,68 em julho, MAS o preço da comida sobe-.


FIQUE EM CASA

Ora, esta mesma TURMA, mais do que sabido, é composta por aqueles maus comunicadores que, durante a pandemia, a todo momento tratavam de influenciar o povo brasileiro através do criminoso -FIQUE EM CASA- A ECONOMIA A GENTE VÊ DEPOIS. Pois, este DEPOIS, embora com todos os importantes esforços despendidos pelo governo, se apresenta, para muitos, em forma de FOME. De novo: os mesmos que pregaram enfaticamente o FIQUE EM CASA se mostram -surpresos- com os indiscutíveis efeitos. Pode?


FOME É PARA BRASILEIROS DE SEGUNDA CLASSE

Detalhe importante nisso tudo: quero que alguém aponte qual servidor público deste nosso imenso Brasil - ativo ou inativo- foi prejudicado com a pandemia e, principalmente, com os criminosos LOCKDOWNS. Mais: seria importante divulgar e/ou saber qual servidor público está passando fome. Ou seja, pelo que se sabe, a FOME é algo que só existe para brasileiros de SEGUNDA CLASSE.  A PRIMEIRA CLASSE está sempre fora dessas encrencas. 



Leia mais

09 ago 2022

AS CARTAS E SEUS DIFERENTES PROPÓSITOS


SOBERANA VONTADE DO POVO

Depois da ideológica CARTA DA USP, cujas assinaturas identificam tudo aquilo que só os esquerdistas entendem como DEMOCRACIA, outros documentos com o mesmo título, mas de conteúdos diferentes, foram produzidos e tornados públicos através das redes sociais com o fim de ganhar assinaturas daqueles que têm absoluta consciência do que significa, realmente, a importante SOBERANA VONTADE DO POVO.


FECOMÉRCIO - SP

Pois, uma delas, escrita pelo pensador e jurista Ives Gandra Martins, na qualidade de presidente do Conselho Superior de Direito da Fecomércio-SP, dá uma correta dimensão do que representa a verdadeira DEMOCRACIA e as efetivas razões pelas quais precisa ser DEFENDIDA. Eis aí o que diz a CARTA EM DEFESA DAS INSTITUIÇÕES DEMOCRÁTICAS DO CONSELHO SUPERIOR DE DIREITO DA FECOMERCIO SP (infelizmente, vale registrar, só a FECOMÁRCIO DE São Paulo emitiu documento em DEFESA DA REAL DEMOCRACIA): 


CARTA

A democracia, que é base do Estado Brasileiro, cujo POVO É SEU PODER SOBERANO representado por aqueles que elegeu, jamais será turbada, qualquer que seja o nível de emoção que uma campanha eleitoral possa comportar. As duas manifestações mais conhecidas em prol da democracia são a demonstração evidente de que o país vive num regime democrático que não corre qualquer risco de rompimento da ordem constitucional. 


DEFESA DAS INSTITUIÇÕES DEMOCRÁTICAS

Os Constituintes, quando criaram o Título V da Constituição, considerado o regime constitucional das crises, tendo por denominação "Da Defesa Das Instituições Democráticas E Do Estado", sempre entenderam que serviria mais como um alerta para que os Poderes fossem harmônicos e independentes, não havendo jamais necessidade de serem utilizados para defesa da democracia.  O próprio -artigo 142-, no que diz respeito a garantia da lei e da ordem a pedido de qualquer Poder, absolutamente desvirtuado na interpretação dos que pretendem ver nele um caminho para o golpe, por desconhecimento dos debates constituintes que o geraram, jamais poderia ser utilizado para desconstituir Poderes e seria sempre de dificílima e pontual utilização. 


CARTA DA REPÚBLICA

O certo é que, nada obstante os efeitos da pandemia e da guerra da Rússia contra a Ucrânia, que provocaram inflação, recessão e fome em todo o mundo, os resultados tem sido animadores, como aumento do PIB, queda da inflação, redução do desemprego, auxílio financeiro a mais de 20 milhões de brasileiros, nos tempos atuais, sobre haver a preocupação com valores morais, além da luta contra censura, a defesa da família, a liberdade de expressão, a defesa da Amazônia, apesar da imensidão de uma floresta do tamanho de parte de países que compõem a Europa Ocidental. 

Por outro lado, a liberdade econômica que tem permitido uma avaliação positiva do FMI para este ano de 2022, muito acima da própria previsão do início do ano para o crescimento do PIB brasileiro, é outro fator de otimismo para o futuro. 

Que o debate eleitoral se faça com a dignidade própria de um povo já maduro para viver a democracia, de um povo que rejeita golpes de Estado, como, de resto, as Forças Armadas Brasileiras, escravas da Constituição, também rejeitam, de um povo que deseja discutir propostas e realidades, com a liberdade que a Constituição assegura a todos os brasileiros. 

Democracia sempre. Golpe jamais. Combate a corrupção permanente. Liberdade acima de tudo, pois no exercício da cidadania demonstra o povo sua maturidade e o direito de debater ideias e ideais, sem desfiguração ideológica, para construção de uma Pátria maiúscula. 

Este Conselho defende, há 33 anos, a Carta da República, promulgada, como determina seu preâmbulo, "sob a proteção de Deus". 


ESPAÇO PENSAR +

No ESPAÇO PENSAR+ de hoje: QUE LOS HAY, LOS HAY, por Percival Puggina. Confira aqui: https://www.pontocritico.com/espaco-pensar



Leia mais


Espaço Pensar +





GILBERTO SIMÕES PIRES

Formado em Administração, o comunicador de PENSAMENTO LIBERAL, nome de grande credibilidade na comunidade gaúcha, com ideias próprias e firmes, é defensor da economia de mercado e do fim de qualquer subsídio por parte do governo.

 

Gilberto Simões Pires iniciou sua carreira na área de comunicação em 1986, no Rádio. A seguir atuou como comentarista econômico na TVE (Mercado em Ação); na TV Guaíba (Câmera 2); no Grupo RBS (Rádio Gaúcha, RBS TV e Jornal Zero Hora); na TV Pampa (Pampa Boa Noite).
Após, na Rede Bandeirantes Porto Alegre, ancorou os programas -PRIMEIRO PLANO- na Band AM, e CONTROLE REMOTO na Band TV.
Por oito anos ancorou Programa -PONTOCRITICO.COM- no canal 20 da NET e, desde 2009, escreve diariamente a E-OPINION LIBERAL - PONTOCRITICO.COM- .


Em ambientes associativos é membro efetivo do Clube de Editores e Jornalistas de Opinião e coordenador da Sociedade Pensar+.

 

EQUIPE EDITORIAL

 

Editor: Gilberto Simões Pires
Assinaturas: Lúcia Pedroso
Para Anunciar: Cristina Sacks

Sites Interessantes